Brigada de Incêndio é uma questão não somente legal, mas de sobrevivência, de proteção a vida.

06/03/2013 às 17:51 | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário
Tags:

No dia 21/02/2013, foi realizado o primeiro treinamento da Brigada de Incêndio do DAEE em parceria com a CPOS e a empresa ECOFIED Treinamentos.

O treinamento contou com a participação de 29 brigadistas  –  funcionários do Ed Cidade I e Cidade II.

Este trabalho no DAEE é organizado pela Diretoria de Recursos Humanos, através do Serviço Técnico Social, atualmente quem está a frente desta atividade é a Técnica de Segurança do Trabalho: Adriana M. dos Santos.

Considerando que esta função é obrigatória em todas as empresas que contam com empregados CLT e ainda que estas ações são realizadas de forma voluntária, o Dr. Giuliano Deliberador (Chefe de Gabinete) que também faz parte da Brigada de Incêndio, fez questão de destacar a atitude nobre e humanitária deste corpo de servidores.  Acrescentou que a legislação visa resguardar e prevenir vidas e que estas pessoas são de vital importância para Autarquia e que devem ser motivadas e incentivadas pelas suas chefias a continuarem seu trabalho.

Diante dos últimos acontecimentos ocorridos e desastres que tiraram a vida de inúmeros jovens na cidade de Santa Maria no Rio Grande do Sul,  após esta tragédia, a imprensa destacou a importância desta função, pois   em caso de incêndios os brigadistas são  os protagonistas, atuando em parceria com os bombeiros, já que devem conhecer as medidas controladoras e rotas de fugas.

Portanto além da importância de lei que determina a necessidade de criação de brigadas, também é de fundamental importância a valorização destas  pessoas que se dispõem a realizar este trabalho em seus locais de trabalho.

Normalmente as pessoas que são brigadistas tem um perfil de auxilio ao próximo.  Eles atuam em situações de prevenção e risco, exercendo ainda esta atividade junto com a sua atividade profissional, portanto devem ser incentivados e valorizados por todos.

Veja abaixo um pouco sobre este oficio determinado pela legislação trabalhista (CLT) – NR 23, e também quem são os brigadistas do edifício Cidade I e II.

Brigada de Incêndio é basicamente um grupo organizado de pessoas que são especialmente capacitadas para que possam atuar numa área previamente estabelecida, na prevenção, abandono e combate a um princípio de incêndio, e que também estejam aptas a prestar os primeiros socorros a possíveis vítimas.

O brigadista e suas funções:

Os brigadistas devem ser pessoas da própria empresa, gozar de boa saúde, boa condição física e conhecer as instalações. Deve ser treinado para ser capaz de identificar situações de emergência, acionar alarme e corpo de bombeiros, cortar energia quando necessário, realizar primeiros socorros, controlar pânico, guiar a saída das pessoas para abandono da área, combater princípios de incêndio.

O treinamento é requisito indispensável para que seja aprovados autos de vistoria do Corpo de Bombeiros e deve ter periodicidade anual.

 

NR 23 orienta sobre a proteção contra incêndios e diz que Todas as empresas deverão possuir:

a) Proteção contra incêndio;
b) Saídas suficientes para a rápida retirada do pessoal em serviço, em caso de incêndio
c) Equipamento suficiente para combater o fogo em seu início;
d) Pessoas treinadas no uso correto desses equipamentos.

As  normas determinam que as empresas devem ter planos contra incêndios, saídas de emergência, extintores e outros equipamentos de proteção, mas de nada adiantará este aparato, se a empresa não contar com pessoas capacitadas e prontas para guiar os colegas de trabalho para as saídas. Assim é extremamente importante que se crie a brigada de incêndio em todas as empresas e que sejam devidamente treinadas, pois só assim poderá contar com pessoas preparadas e aptas a agir em caso de inícios de incêndios.

Todas as medidas tomadas para proteção contra incêndios no ambiente de trabalho são importantes e devem ser implementadas para que se por acaso acontecer o sinistro os resultados sejam amenizados pelas ações que foram tomadas preventivamente.

Brigadistas do Edifício Cidade I e II

1 Adriano Paulo Peirera
2 Adriana Malagodi dos Santos
3 Carlos Alberto A de Souza
4 Olga Ribeiro da Silva
5 Erico Rodelli Mantovani
6 Joyce Marchione Gonzales
7 Wagner Bernardo Filho

8 Ivani Aparecida de Assis

9 Robert Cardoso Pereira

10 Daniela Antunes M. da Rocha
11 Elza Maria de Miranda Melo
12 Amauri Donizete da Silva Junior

13 Carlos Henrique de Almeida Amarante
14 Paulo R. Garcia Machado

15 Lucas Magno da Silva
16 Antonio Roberto da Silva
17 Charles Silva de Souza
18 Isis Dias Costa
19 Vitor Ardachnikoff Renato de Morais

20 Gessica Rodrigues de Oliveira
21 Evelina dos Santos

22 Bruno Azevedo de Melo
23 Aparecida Assis Ribeiro
24 Vinicius Ferreira Batista

25 Marcia de Andrade Ribeiro Nogueira

26 João Carlos de Camargo Melo
27 Giuliano Savioli Deliberador
28 Fabio Guilherme dos Santos Ramos
29 Maria de Fatima Ireno

Anúncios

Deixe um comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: