Uma servidora originária da SUDELPA, a frente da Seção de Pessoal do DAEE: Dulce Marina Rodrigues.

05/03/2012 às 16:41 | Publicado em Sem categoria | 1 Comentário
Tags: ,

Dulce Marina Rodrigues, 57 anos, aquariana é outras das grandes aquisições de servidores feitas pelo DAEE, do pessoal remanescente da SUDELPA – Superintendência do Litoral Paulista, órgão extinto pelo Governo em 1993.

Tendo entrado no Serviço Público em dezembro de 1973, no Instituto Biológico, através de concurso público, ficou por lá como servidora regida pela Lei 500 até 1977. Sua avó que também já atuava neste órgão, foi quem a incentivou a fazer o concurso, tinha 19 anos. 

Como morava na Lapa e o Instituto fica na Vila Mariana achava difícil a condução, portanto prestou novo concurso e acabou sendo aprovada para atuar na SUDELPA, este sim sediado na Avenida Angélica com a facilidade de condução e melhores condições de trabalho. 

Ficou na SUDELPA assessorando um Diretor por determinado período e após isto foi para área de almoxarifado, fazendo o controle de material, estoque, etc. O trabalho não era muito “a sua cara”, mas foi fazendo por falta de opção.

Ficou lá até 1993, quando a SUDELPA foi extinta e como muitos servidores daquele órgão vieram por acaso parar no DAEE. Como não conhecia ninguém no Estado, um amigo: Estácio (hoje atuando na Diretoria Financeira – DOF) a convidou juntamente com outros servidores para virem pro DAEE, já que poderiam escolher o novo órgão público onde iriam trabalhar.

Como ficou incumbida de trazer os documentos deste grupo para o comissionamento no DAEE, fez contato com Laurinda – Responsável pela Seção de Pessoal do DAEE, que a convidou para atuar na sua área: Pessoal, o que ela aceitou prontamente. Começou ai sua jornada no DAEE a principio com sua nova equipe: Olga Moretto, Ivone Brambilla, Neusa Oliveira e Maria Pereira.

O acaso fez com que logo Olga, Neusa e Maria se aposentassem logo e Ivone se transferisse para Bauru. Ficou sozinha com o serviço e buscando informações para melhorar cada vez mais seu trabalho. Diz que sempre foi atrás de informações, dados, legislação, e que nem sempre as coisas lhe foram ensinadas, teve que aprender muitas vezes sozinha.

Nesta época, o Diretor de Recursos Humanos: Vitor Manieiro trouxe Joao Romão que atuava na área de Informações Gerenciais para ser o Resp. pela Seção de Pessoal, uma vez que Laurinda também teve que se afastar (aposentadoria).

Dulce passou então a atuar com ele, atuando como uma espécie de assistente/assessoria, substituindo-o nas suas ausências. Diz que João era muito competente, responsável, gostava do trabalho e conhecia muito de informática, excelente pessoa e profissional.

Quanto a ela, na área de pessoal, ai sim passou a se identificar muito com o trabalho. Gosta do que faz, de se relacionar com as pessoas, de poder ajudar, de ter contatos diversos, de ter que aprender sempre, do trabalho ser sempre diferente no dia a dia, nunca uma rotina.

Com o falecimento do João Romão em 2008, uma grande perda pra área, ficou com a responsabilidade pelo gerenciamento da área de pessoal do DAEE. 

Reafirma que adora o trabalho, mas que na questão de gestão de pessoas, tem certa dificuldade, pois as pessoas já têm muito tempo de serviço no DAEE, cada qual com seu jeito, enfim às vezes ela sente certo estresse neste campo, mas faz o melhor que pode.

É uma pessoa persistente, esforçada, se empenha em fazer e dar o melhor de si no trabalho e em casa também, pois criou a única filha Teresa Cristina, praticamente sozinha. Hoje curte muitíssimo os dois netos: Luiz Felipe de 06 anos e João Vitor de 01 ano nos finais de semana.

Além disto, gosta muito de cozinhar, fazer pratos gostosos pra família, gosta de decorar espaços, sua casa, e além de vó coruja, adora ficar em família. Viajam muito juntos, ela, filha, netos, irmãs, cunhados, sobrinhos. Vão à praia, alugam casa, ficam juntos, cozinham, se divertem com pouca coisa. É caseira e este é o seu passeio predileto: com a família.

Além de tudo Dulce é uma negra muito vaidosa, se cuida, está sempre arrumada, gosta de se vestir bem (nada com muito custo), se maquiar, cuidar da pele, enfim uma negra linda, que poderia ser modelo, caso não fosse chefe de pessoal (rs).  

Quanto a sua área diz que eles são responsáveis pela vida do funcionário: desde sua entrada na Autarquia: admissão, até sua saída, por aposentadoria, demissão, falecimento, etc.

As atividades corriqueiras da área são: emissão de portarias, designações, certidões das mais diversas, licenças prêmios, sexta parte, quinquênios, documentação junto ao INSS, frequência, atestados médicos, documentação junto a Prodesp para efetuar o pagamento dos servidores, entre outros.

Agradece a equipe do RHAP (Seção de Pessoal) que somando ao trabalho dela, são responsáveis pelo bom atendimento ao servidor no que lhes compete: Ivone, Flora, Geralda, Walmir, Joana, Jandira, Maria do Socorro, Rafael, Payão.

Ainda bem que o DAEE teve a sorte de contar com tantas pessoas boas e competentes que vieram comissionados de outros órgãos que se extinguiram: SUDELPA, DOP, etc., somando ao trabalho daqui.  Todos ganhamos, pois nada é por acaso.

Anúncios

1 Comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

  1. Parabéns, Dulce!!! Você é o máximo!!!
    Angelita.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: